SEM GRILHETAS NEM SENSURA

SEM GRILHETAS NEM SENSURA

NOTA:

NESTE BLOGUE, todos os títulos possuem hiperligação relacionada no YOUTUBE.

AOS AMANTES DO CONHECIMENTO E DA VERDADE OBJECTIVA

A TODOS AQUELES QUE GOSTAM DE VER E DE SABER PARA ALÉM DA SUBJECTIVIDADE E DA VERDADE OCULTA.

PESQUISAR NESTE BLOGUE

PORTAL DE AGOSTINHO DA SILVA

PORTAL DE AGOSTINHO DA SILVA
O FILOSOFO DE PORTUGAL

sábado, 6 de março de 2010

JÚLIO CÉSAR E CÍCERO “OS IDOS DE MARÇO”

César “Caius Iulius Casear” planeava deixar Roma e partir para outra guerra contra os partianos, em 18 de Março de 44 a.C. (reinos Indo-Gregos,desde as conquistas de Alexandre Magno).
Brutus e Cassius decidiram que o assassinato deveria acontecer no dia 15 de Março – os idos de Março – durante uma reunião do senado. Aconteceu no salão próximo ao Teatro de Pompeia. Ao que tudo indica, Cícero estava lá, embora os conspiradores não lhe tivessem contado o segredo da intentona por causa de sua idade e da sua maneira de ser, do receio da propalação dos seus propósitos.

Depois de César, com 63 anos, se sentar na cadeira dourada, um homem chamado Tillius Cimber aproximou-se de César e pediu-lhe que perdoasse ao seu irmão. Quando César recusou, Cimber agarrou a toga roxa de César, dando o sinal para o ataque. Os libertadores, como os conspiradores referiam-se a si mesmos e logo acometeram-se sobre César com suas adagas. Cassius atacou o rosto de César. Brutus cortou a sua coxa. Ao todo, ele sofreu 23 cortes e caiu morto em frente à estátua de Pompeu. Supostamente, Brutus levantou a sua adaga, gritou o nome de Cícero e glorificou-o pela recuperação da liberdade. César ainda agonizante exclamou: “Tu quoque, Brute, fili mi!

Cícero: "Na adversidade a maior consolação é a consciência das boas acções."

REINOS BACTRIANOS

http://pt.wikipedia.org/wiki/Júlio_César

http://pt.wikipedia.org/wiki/15_de_março

http://pt.wikipedia.org/wiki/Cícero

Sem comentários: